Nova Linha Vegan Semeando sabor e colhendo o bem.
Nova Linha Vegan Semeando sabor e colhendo o bem.
Bom é comer bem Bom é comer bem

Batata palha: história e receitas

Curiosidades

Batata palha: história e receitas

Durante sua expedição científica ao redor do planeta, o naturalista britânico Charles Darwin ficou fascinado por uma planta sul-americana surpreendentemente adaptável. Em suas anotações, Darwin comentou: “É notável que a mesma planta seja encontrada nas montanhas estéreis do Chile Central, onde uma gota de chuva não cai por mais de seis meses, e nas florestas úmidas das ilhas do sul”.

A planta que ele analisou foi a batata. O tubérculo era admirável tanto por sua adaptabilidade quanto por seu valor nutricional. Além de oferecer amido, componente essencial da alimentação, a batata é rica em vitaminas A, C, E, potássio e fibras. Na verdade, ela sozinha fornece quase todos os nutrientes vitais para nosso organismo, sendo a exceção a vitamina D.

De fácil cultivo, a espécie tem capacidade de prover rapidamente refeições mais nutritivas em menos terra do que qualquer outra cultura e em quase qualquer habitat. Por essas características, em 1995, ela se tornou a primeira hortaliça a ser cultivada fora da Terra. A NASA e a Universidade de Wisconsin, nos Estados Unidos, desenvolveram a tecnologia – que viabilizou seu plantio no espaço – com o objetivo de alimentar astronautas em longas viagens espaciais e, eventualmente, suprir futuras colônias espaciais.

A batata mudou o mundo

A bordo do Beagle, já na Patagônia, Darwin fez referência sobre a possível origem da batata. A partir do que estudou da planta, ele concluiu que o tubérculo só poderia ter surgido nas florestas úmidas da América do Sul. Hoje, sabemos que os incas do Peru foram a primeira civilização a cultivar o alimento, por volta de 8.000 a.C a 5.000 a.C, embora os cientistas acreditem que ela possa ter crescido selvagem na região há 13.000 anos.

Batata palha

Com a conquista do Peru em 1532, os espanhóis descobriram o sabor da batata – além do tomate, milho, pimenta, mandioca e outras plantas nativas das Américas – e, aos poucos, começaram a usá-la como ração básica a bordo de seus navios. Após chegar à Espanha, em 1570, passou a ser usada como alimento de gado pelos agricultores locais. 

Do país ibérico, a planta se espalhou, no século seguinte, pela Itália, Bélgica, Áustria, Holanda, Irlanda, França, Inglaterra, Alemanha, Suíça e Portugal, mas ainda como forragem animal e sustento para famintos. Muito do desdém europeu ao tubérculo sulamericano vinha da "crença" de que a hortaliça era uma criação das bruxas ou dos demônios. 

Extremamente rica e versátil

A batata seguiu malquista na Europa até o início das revoluções iluministas, quando as guerras causaram escassez de alimentos no continente e nas colônias em ebulição. Com os idos de 1700, agricultores ingleses, franceses, irlandeses e nórdicos, milagrosamente, perceberam que a batata era mais fácil de crescer e cultivar do que outras culturas básicas, como os velhos conhecidos: trigo e aveia. Mais importante ainda, descobriram que ela podia ser consumida por 10 pessoas a cada 4m² de terra cultivada. 

Consequentemente, decretos reais e notícias panfletárias começaram a incentivar o consumo humano da batata, tornando-a responsável pela nutrição e explosão demográfica em parte do Velho Mundo, que pavimentou o caminho para a Revolução Industrial.  

Do outro lado do globo, o tubérculo foi introduzido na China, Vietnã e na índia, enquanto sofria modificações genéticas e adaptações de receitas e combinações no Ocidente. Foi assim que surgiu a batata palha, frita, assada, suíça, recheada, o purê, suflê, chips, dentre infinitos pratos. 

Passados séculos de sua globalização, a batata hoje também é encontrada em grandes variedades de cores, de cascas e de polpas. Servida quente ou fria como acompanhamento, ou consumida como um aperitivo. E, se há 300 anos, nobres e camponeses se recusaram a comer batata, atualmente fica em quarto lugar entre as maiores culturas alimentares no mundo, atrás do arroz, trigo e do milho.

+ Veja também: 5 receitas para fazer o melhor purê de batata de todos os tempos

Alimentos ricos em proteína para você ter uma dieta saudável e balanceada

Fatos rápidos sobre batatas:

  • Segundo estudos científicos, as batatas podem ajudar a reduzir a inflamação e a constipação.
  • Uma batata média contém cerca de 164 calorias e 30% da ingestão diária recomendada de B6.
  • Fonte de ferro, fósforo, magnésio, cálcio e zinco, a batata ajuda o corpo na construção e manutenção da estrutura e força óssea.
  • O potássio presente na batata estimula a vasodilatação ou alargamento dos vasos sanguíneos, mantendo uma pressão saudável.
  • A falta de colesterol, somada aos macronutrientes da batata, contribui para a saúde do coração.
  • Batatas contêm folato, que desempenha um papel na síntese e no reparo do DNA. Portanto, pode impedir a mutação das células e o acometimento de certos tipos de câncer.

Olhar especial para a batata palha

Após viajar por séculos de história, tenho certeza que a sua curiosidade sobre as nossas receitas só aumentou. Então chegou a hora da cozinha Caldo Bom ensinar 3 grandes preparos repletos de sabor, crocância e suculência. Prepara os ingredientes porque não tem erro!!

Batata palha

Arroz de Forno Cremoso com Batata Palha 

Ingredientes:

  • 2 Colheres (sopa) azeite
  • ½ Cebola em cubos
  • 1 Cenoura Ralada
  • 3 Colheres (sopa) molho de tomate
  • 3 Colheres (sopa) Milho
  • ½ Pimentão
  • ½ Xícara (chá) água
  • 200 ml Creme de leite
  • 2 xícaras de arroz (já cozido)
  • 2 xícaras de queijo ralado (muçarela ou parmesão)
  • Batata Palha Caldo Bom a gosto

Modo de preparo:

  1. Em uma frigideira, aqueça duas colheres de sopa de azeite, acrescente ½ Cebola e refogue até ficar murcha;
  2. Coloque a cenoura ralada, o molho de tomate, o milho e o pimentão, frite por alguns segundos. Acrescente ½ xícara de água, mexa bem e deixe refogar por 5 minutos;
  3. Após adicione o creme de leite e o arroz no refogado, misture bem;
  4. Desligue o fogo, em um refratário espalhe o conteúdo da frigideira;
  5. Para uma crocância e um toque todo especial coloque a Batata Palha Caldo Bom e o queijo ralado por cima;
  6. Leve ao forno, pré-aquecido a 200°, por 15 minutos.

Fricassé de Frango com Batata Palha 

Ingredientes do Creme de Milho:

  • 1 colher (sopa) de manteiga
  • 1/2 cebola picada
  • 1 lata de milho (com a água)
  • 1 colher (sopa) de temperos da sua preferência
  • 200g (1 caixinha) de Creme de leite
  • Sal a gosto

Modo de preparo:

  1. Em uma panela coloque a manteiga e refogue a cebola, até ficar murcha e quase transparente, junte uma lata de milho com água e os temperos;
  2. Em fogo baixo, deixe ferver por 2 minutos, sempre mexendo;
  3. Acrescente o creme de leite, o sal e misture bem;
  4. Bata no liquidificador ou no mixer essa mistura e reserve.

Ingredientes do Frango Cremoso:

  • 1 colher (sopa) de azeite
  • 1/2 cebola picada
  • 2 dentes de alho picados
  • 2 xícaras de peito de frango cozido e desfiado
  • 1 colher (sopa) de mostarda
  • 1 colher (sopa) de extrato de tomate
  • 1 xícara (chá) de leite integral
  • 1/2 xícara (chá) de champignon
  • 1 pote de requeijão cremoso
  • 2 colheres (sopa) de parmesão ralado
  • sal, pimenta-do-reino e salsinha a gosto
  • Batata Palha Caldo Bom a gosto

Modo de Preparo:

  1. Em uma frigideira, coloque o azeite e frite a cebola, o alho;
  2. Acrescente o frango desfiado, misture;
  3. Adicione a mostarda, extrato de tomate, leite, champignon, requeijão cremoso e o parmesão ralado, mexe bem;
  4. Acerte o sal, coloque a pimenta do reino e a salsinha;
  5. Deixe em fogo baixo, sempre mexendo, até ficar com uma consistência cremosa.

Montando o Fricassé

  1. Em uma travessa/ refratário (que posso ir ao forno) espalhe o frango cremoso, após cubra com o creme de milho;
  2. Finalize com a Batata Palha Caldo Bom, prontinho agora é só servir.

Salada com Batata Palha

Ingredientes:

  • 1 xícara de peito de peru defumado picado
  • 1 xícara de milho
  • 1 xícara de ervilhas
  • 1 xícara de pepino em conserva em cubos
  • 1 xícara de uvas-passas brancas (opcional)
  • 1 xícara de pimentão amarelo em cubos
  • 2 xícaras de Batata palha Caldo Bom
  • ½ xícara de iogurte natural
  • 1 xícara de maionese

Modo de preparo:

  1. Em uma tigela misture todos os ingredientes e deixe na geladeira até o momento de servir;
  2. Antes de servir acrescente a Batata Palha.