Como fazer arroz soltinho e gostoso

“Não sei nem fazer arroz!” é uma frase comum de quem não tem muita prática na cozinha. Porém, mesmo que este seja um alimento básico no dia a dia, muita gente mais experiente também não acerta o ponto ideal desse prato. Por isso, hoje você vai descobrir como fazer arroz soltinho e muito saboroso!

Muitas vezes, a maior dificuldade é descobrir as quantidades exatas dos ingredientes, pois quem está começando a se aventurar no mundo da culinária não sabe o que quer dizer “colocar um pouquinho mais de água”.

Se esse é o seu caso, não se preocupe: nosso passo a passo indica todas as quantidades e procedimentos de forma bem detalhada. Confira!

Antes de começar: precisa lavar o arroz?

Algumas pessoas dizem que sim e outras dizem que não, mas a resposta certa é que depende. Ao lavar o arroz, vamos remover uma parte do amido dos grãos, que funciona como um espessante – ou seja, deixa o arroz mais cremoso.

Porém, dependendo do tipo do arroz, essa etapa não é necessária. Por isso, a melhor forma de descobrir se você deve ou não lavá-lo é verificando as instruções na embalagem.

Se houver indicação para fazer esse procedimento, basta colocar a quantidade de arroz que você vai cozinhar em uma peneira grande ou escorredor próprio para esse alimento, passar em água corrente e deixar escorrer bem. Se não precisar lavar, é só seguir o modo de preparo indicado a seguir.

Passo a passo de como fazer arroz soltinho

Para a nossa receita detalhada, vamos utilizar quantidades suficientes para preparar quatro porções. Assim, se você quiser preparar arroz para mais ou menos pessoas, basta ajustar os ingredientes de forma proporcional. Veja como fazer:

Ingredientes

  • 1 xícara de arroz
  • 2,5 xícaras de água
  • 1 colher de sopa de óleo de cozinha ou azeite
  • ½ cebola pequena picada
  • 2 dentes de alho picados
  • 1 colher de chá de sal

Modo de preparo detalhado

1. Coloque a água para ferver

A água utilizada para cozinhar o arroz deve estar fervendo para que a temperatura seja mantida constante. Por isso, coloque-a em uma chaleira ou caneco grande e deixe aquecendo em fogo médio até levantar fervura. Enquanto isso, você pode seguir as próximas etapas.

2. Aqueça o óleo ou azeite

Em uma panela média, coloque o azeite ou óleo de cozinha e leve para aquecer em fogo baixo por cerca de 1 minuto.

3. Refogue a cebola

Com cuidado, coloque a cebola picada na panela com azeite ou óleo, misture bem com uma colher de pau ou silicone e deixe fritar até que ela fique transparente (cerca de 3 minutos).

4. Refogue o alho

Adicione o alho à panela, misture bem e deixe fritar por aproximadamente 1 minuto ou até que comece a dourar. Atenção: o alho queima muito mais rápido do que a cebola, então é preciso ficar atento.

5. Refogue o arroz

Assim que o alho começar a ficar mais amarelinho, acrescente o arroz à panela, misture e deixe refogar por cerca de 2 minutos, mexendo de vez em quando. Essa etapa é muito importante para que todos os grãos sejam envolvidos pelo óleo e fiquem soltinhos.

6. Adicione a água fervente e o sal

Agora, é só acrescentar a água que você deixou fervendo, adicionar o sal e misturar. Deixe cozinhar com a panela semitampada, sem mexer – ou o arroz ficará grudado.

7. Verifique se a água secou

Depois de 25 minutos, utilize um garfo para afastar alguns grãos delicadamente, até enxergar o fundo da panela. Se ainda houver um pouco de água, deixe cozinhar por mais 2 minutos e repita a etapa do garfo até observar que não há mais líquido. Caso a água esteja secando e os grãos ainda estejam duros, adicione mais ⅓ de xícara de água fervente.

8. Finalize o cozimento

Assim que a água secar, desligue o fogo, tampe a panela e aguarde 5 minutos para que os grãos terminem seu cozimento no próprio vapor. Agora, é só servir!

Tudo é questão de prática

Ao seguir todos os passos indicados acima, seu arroz deve ficar soltinho e saboroso. Porém, se alguma coisa der errado, não desanime! Cozinhar é uma questão de prática e às vezes precisamos treinar um pouquinho mais até chegar ao ponto esperado.

Com o tempo, você vai dominar a arte de como fazer arroz soltinho e poderá até mesmo adaptar o tempero conforme o seu paladar ou se aventurar com pratos cada vez mais elaborados. Boa sorte!

Fonte(s): Revista Claudia e Estadão

Deixe uma resposta